Estudos galegos e Lusofonia no século XXI: Estigmatismos culturais e abertura de perspectivas

Research output: Contribution to journalArticlepeer-review

Abstract

Neste artigo exploram-se vários jeitos em que a Galiza se imagina a si própria como parte da comunidade supranacional da Lusofonia. Destacam-se seis aspetos principais: as comunidades cibernéticas, as relações transfronteiriças entre a Galiza e Portugal, os escritores reintegracionistas, o labor das editoras transnacionais, a música e as produções audiovisuais. O objetivo final do artigo é demostrar que, além das diferentes opiniões governamentais e sociais sobre o papel da Galiza na Lusofonia, existe um importante sector social que vive a Galiza como parte fundamental da Lusofonia e que as relações luso-galaicas podem ser mais fluidas do que os médios hegemônicos acostumam a mostrar. Deste jeito, o artigo propõe que os debates teóricos sobre o papel da Galiza na Lusofonia passem a um segundo plano para prestarmos mais atenção a estudarmos a cultura galega que já faz parte natural—seja qual for a forma—duma comunidade lusófona global.
Original languageAmerican English
JournalBoletim da Academia Galega da Língua Portuguesa
Volume9
StatePublished - 2017

Keywords

  • Lusofonia
  • Galiza
  • Galician
  • Cultural Studies

Disciplines

  • Arts and Humanities

Cite this